terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Cavalinha


Por: Rose Aielo Blanco

A Cavalinha é uma erva que permite fazer um chá medicinal bem eficaz como diurético, antiinflamatório, adstringente genito-urinário e revitalizante.
E, pode ser usada também, quando fresca, no preparo de sucos desintoxicantes.
Ela age sobre as fibras elásticas das artérias, o que eventualmente, auxilia na redução das taxas do colesterol. Apresenta também ação específica sobre a inflamação da próstata, além de ser um ótimo auxiliar em processos de cicatrização.

Indicações:
  • Arterosclerose - Afecções de pulmões  
  • Hemorragias renais - Inflamação e edema da próstata 
  • Menstruação excessiva - Hipertensão.

Chá de Cavalinha com abacaxi
Ingredientes: 1 litro de água + 100 g de cavalinha (erva freca ou 50 gramas de erva seca) + casca de de 1 abacaxi (pode colocar também uma rodela picada).
Preparo: Em uma chaleira, aqueça a água até quase fervura. Desligue o fogo e coloque a erva e a casca de abacaxi em infusão por aproximadamente 10 minutos. Sirva quente.
Opcional: Caso não tenha a casca do abacaxi, pode ser usada só a Cavalinha. Ou casca e polpa de maçã...


De bem com a beleza, de mal com as cobras
Como inúmeras outras ervas a cavalinha também era usada para "finalidades mágicas". 
Em tempos remotos, acreditava-se que a planta estava ligada ao planeta Saturno. 
Com seus caules ocos, os antigos pastores fabricavam flautas que eram usadas para espantar serpentes, daí o nome popular "milho-de-cobra". Além disso, sempre foi muito forte a ligação entre a planta e a fertilidade feminina: quando uma mulher queria engravidar, era costume colocar um vaso de cavalinha dentro do quarto.
Dados farmacológicos identificam na cavalinha glicosídeos flavônicos, saponinas, ácido gálico, potássio e silício como os principais responsáveis pela ação diurética e remineralizante, que permitem a eliminação de substâncias tóxicas.
Essa planta funciona ainda como um diurético suave com ação reguladora e adstringente do trato genito-urinário, também usada em casos de incontinência noturna de crianças. Os taninos são responsáveis pela sua ação adstringente.
O silício apresenta propriedades remineralizantes, participa da calcificação dos ossos, age sobre as fibras elásticas das artérias, diminuindo o risco de ateromatose, principalmente em pessoas com colesterol elevado, regularizando o tônus, elasticidade e resistência dos vasos sanguíneos.
Como antiinflamatória ela atua em casos de inchaço e inflamação da próstata. Estimula o metabolismo cutâneo, acelera a cicatrização e aumenta a elasticidade de peles secas e senis, atuando como hidratante profundo.
Também age como abrasivo, em razão do seu alto teor de silício. Ajuda a recuperar a pele e ferimentos. Por suas propriedades adstringentes e detergentes (saponinas) pode atuar como coadjuvante no tratamento externo da acne.
Nos tratamentos de beleza, a cavalinha é muito conhecida: ajuda a evitar varizes e estrias, limpa a pele, fortalece as unhas e dá brilho aos cabelos. Quem quiser experimentar, é só testar. Vamos à prática!





Óleo para prevenir estrias
Coloque um ramo ou caule de cavalinha (já seca) em um vidro pequeno de óleo de amêndoas ou babaçu. Deixe descansar por 30 dias e passe na pele, sempre após o banho.
Infusão para limpeza de pele
Coloque um punhado da planta (fresca ou seca) em uma vasilha e despeje água fervendo. Abafe e deixe descansar por 10 minutos. Depois de fria, use a infusão com um chumaço de algodão, para limpar a pele.
Para dar brilho aos cabelos e fortalecer as unhas
Faça um chá com caules e folhas de cavalinha: 2 colheres (sopa) + 1 litro água. Deixe esfriar e use no enxágue final dos cabelos. Para fortalecer as unhas, deixe amornar e mantenha as unhas imersas por uns 15 minutos.

Fonte: http://www.docelimao.com.br



3 comentários:

  1. Oi Eliana!
    Tudo bem?
    Não conhecia os benefícios.
    E são tantos.
    bjs, ótima semana!

    ResponderExcluir
  2. Amei sua dicas e vou segui-lás
    Também tô passando para convidar suas amigas para participarem do sorteio do 1º aninho do meu blog!

    Sandra
    kesartesemimos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Eliana, como vai amiga?
    Amei esse post, já usei muita cavalinha, é ótima!
    Beijo

    ResponderExcluir

Obrigada por deixar seu comentário.