segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Auriculoterapia




Através da Auriculoterapia podemos avaliar e tratar desequilíbrios que podem causar as mais variadas disfunções ou doenças, muitas vezes antes mesmo destas surgirem.
As orelhas possuem pontos ou áreas de reflexo que correspondem a todos os órgãos e funções do corpo, e quando estes são estimulados por sementes fixas por um pequeno esparadrapo, o cérebro recebe um impulso que desencadeia uma série de fenômenos físicos, relacionados com a área do corpo, produzindo a cura.
Para a sua aplicação temos como base a avaliação clínica através da entrevista, exames complementares e laboratoriais e também de uma avaliação auricular pela observação da presença alguns sinais e a palpação direta e a pela condutividade elétrica das áreas através de aparelhos específicos.
Também pode ser utilizado para analgesia em crises agudas em todos os tipos de dores, especialmente das dores do aparelho locomotor, o que a torna uma excelente técnica complementar para estes problemas.


Auriculotererapia

Diagnóstico e tratamento através do microssistema da orelha teve sua origem na China
Textos antigos do Huang Ti Nei Jing já relacionavam o pavilhão auricular ao resto do corpo
Em 1888, durante dinastia Qin, 2 médicos chineses escreveram livro localizando os 5 órgãos no dorso da orelha
Na década de 30, existiam alguns métodos que se tornaram populares na China:
  • Cauterizações com óleo no ápice da orelha para conjuntivite
  • Queimaduras na orelha com álcool para odontalgias
  • Molhar a orelha com álcool para bronquite

“O médico das orelhas de ouro”

Em 1958 é publicado na revista de Medicina Tradicional de Shangai os estudos do médico francês Paul Nogie
Paul Nogie foi o 1º a representar a orelha com um feto invertido
A partir daí os médicos chineses retomaram suas pesquisas unindo o conhecimento tradicional dos antigos textos as novas descobertas de Nogie

Auriculoterapia Francesa

Dr. Paul Nogie, médico francês, é considerado o pai da Auriculoterapia pela OMS, pois foi a partir de suas descobertas que os chineses retomaram seus estudos em relação ao microssistema da orelha.
Ele foi o primeiro a visualizar e mapear a representação do "feto invertido" na orelha.

Auriculoterapia Chinesa

Em 1960 houve publicação trabalho médico chinês onde se havia mapeado 15 pontos auriculares
Em 1970, 107 pontos auriculares
Em 1971, 112 pontos auriculares
Em 1972, 131 pontos auriculares
Em 1974, 154 pontos auriculares
Em 1979, 199 pontos auriculares
Houve então a padronização dos pontos através do “Esquema Padrão dos Pontos Auriculares”
Certamente as décadas de 60 e 70 foram a de maior desenvolvimento para a auriculoterapia
Na década de 80 a auriculoterapia se consolida como uma especialidade dentro da acupuntura na China e no mundo
1982 - Grupo nacional de trabalho em auriculoterapia
1984 - Assembléia nacional para o estudo de auriculoterapia e craniopuntura
1987 - Grupo nacional para a investigação em auriculoterapia
1989 - 1º Congresso internacional de auriculoterapia
1991 - Tratado sobre diagnóstico e tratamento através dos pontos auriculares, pela Dra. Huang Li Chun. 

É o microssistema mais estudado e desenvolvido de toda Medicina Tradicional Chinesa
Utiliza conceitos da fisiologia oriental e ocidental, permitindo assim a união destas duas visões distintas e complementares
Sua eficiência é reconhecido para o tratamento de aproximadamente 150 patologias

Auriculoterapia Chinesa - Escola Marcelo Pereira

Prof. Marcelo Pereira foi grande acupunturista, pioneiro no Brasil em relação a divulgação e ensino da Auriculoterapia, sendo o seu livro "Tratado de Auriculoterapia (1991)" a primeira grande obra em lingua portuguesa sobre o tema. Veja link para o livro: 
http://www.lautz.com.br/loja/product_info.php?cPath=14_55&products_id=1709

Dentro desta escola a indicação principal é o uso de agulhas de acupuntura convencional, de 25 a 30 mm, com frequente uso de transfixações subcutâneas. Segue abaixo mapa da escola Marcelo Pereira:


 Auriculoterapia Chinesa - Escola Huang Li Chun


Diagnóstico auricular:
Observação de sinais
Dor a palpação
Percepção a palpação
Marcas pós-palpação
Exploração elétrica

Vantagens do tratamento por sementes:
Método não invasivo
Sem riscos de infecção
Maior área de abrangência dos pontos
Maior número de pontos tratados
O paciente pode retirar a aplicação
Os efeitos da aplicação podem durar até 7 dias

Características do método:
Utiliza do “método de sangria” quando necessário
Sempre usa “sementes duplas”
O paciente deve estimular os pontos de 3 a 5 vezes por dia
Usa sempre as 2 orelhas
Tratamento 1 vez na semana
Descanso dos pontos de pelo menos 24 horas
Ciclo de 5 a 10 sessões, descanso 1 mês

Método de sangria:

Este método consiste no uso de uma agulha de teste de insulina para fazer um único furo ou vários muito próximos, dependendo da região a ser tratada, com objetivo terapêutico.
É utilizado desde a antiguidade para eliminar o calor interno e a estagnação de Qi (energia) e Xue (sangue), que na fisiologia da Medicina Chinesa se trata da própria doença.
É um grande potencializador do método de aplicação de sementes e ajuda a comunicar e drenar os canais e colaterais, eliminar a estagnação e facilitar a circulação do sangue. É calmante, antiinflamatório, analgésico, sendo a 1ª manobra de dispersão a ser executada.

Fonte: Internet

6 comentários:

  1. que interessante Eliana
    morro de medo de agulhas,è uma coisa meio ridícula, a minha idade rsrs
    mas è assim.
    bom inicio de semana

    baci

    ResponderExcluir
  2. Oi flor,

    Boa Tarde!

    Obrigada pela visita e seja muito bem vinda em meu cantinho.
    O amanhecer é um sinal de que superamos todos os obstáculos do dia anterior e caminhamos rumo a novas conquistas. Nos mostra que mais uma pagina da nossa vida foi virada, nos diz que as derrotas de ontem, não significam mais nada e que temos oportunidade de conquistar novas vitórias.
    O amanhecer é a maior prova de que DEUS enxugou nossas lágrimas do dia anterior e nos preparou para RECOMEÇAR dando um novo sentido à vida!

    Tenha uma semana motivadora de muita Luz!Que deus renove suas forças nesta semana, protegendo você em todos os seus caminhos!

    Bjok@s

    ResponderExcluir
  3. Super interessante essa matéria, Eliana!

    Boa semana pra você!

    Ah
    Queria te convidar para participar do nosso amigo secreto. Vai ser bem divertido, vem conhecer a brincadeira?

    bjs

    ResponderExcluir
  4. PARABENS PELA POSTAGEM!!!
    MINHA FAMILIA, TODOS FAZEM ESSE TRATAMENTO E SENTEM MUITO MELHOR.
    BEIJOCAS.
    SolangeGmax

    ResponderExcluir
  5. Nossa, adorei saber essas coisas... mas confesso que tenho um pouco de medo dessas agulhinhas rsrs Bju Bju

    http://peruaclassemedia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Nossa que legal...essa materia... nao tenho medo de agulha não... de vez em quando faço acumpultura...e adoroo...
    tenha um otimo fim de semana bjs

    ResponderExcluir

Obrigada por deixar seu comentário.